JOTA QUEST ANUNCIA O DÉCIMO ÁLBUM DE ESTÚDIO E DOCUMENTÁRIO SOBRE A BANDA
 
Nos correntes anos 2010, o Jota Quest renovou o repertório com dois revigorantes álbuns de músicas inéditas, Funk funky boom boom (2013) e Pancadélico (2015), ambos produzidos pelo músico norte-americano Jerry Barnes.

Esses álbuns se impuseram entre os melhores de toda a discografia da banda. Por isso mesmo, a expectativa já é naturalmente alta para o álbum de estúdio que Marcio Buzelin (synths, pianos e órgãos), Marco Túlio Lara (guitarras e violões), Paulinho Fonseca (bateria), PJ (baixo) e Rogério Flausino (voz) planejam gravar e lançar entre 2020 e 2021 com repertório inédito e autoral.

Será o décimo álbum de estúdio da banda, se posto na conta o disco independente de 1995, J. Quest, de circulação bem restrita.

Após o iminente encerramento da turnê nacional do show e disco Acústico Jota Quest – Músicas para cantar junto, espetáculo visto por mais de 700 mil pessoas desde que estreou em maio de 2017 em turnê que gerou mais de 200 apresentações em 140 cidades , o quinteto tira o olho do retrovisor para começar a idealizar o disco, mas sem desapegar totalmente do passado.

Além do álbum de músicas inéditas, o Jota Quest também planeja produzir um documentário sobre a trajetória da banda de pop soul formada em 1993 na cidade de Belo Horizonte (MG).

BEYONCÉ PODE TRABALHAR EM NOVAS PRODUÇÕES DA DISNEY

JÁ QUE ‘’O REI LEÃO’’ ESTÁ FAZENDO MUITO SUCESSO TUDO INDICA QUE O ACORDO DA CANTORA COM A EMPRESA NORTE-AMERICANA SÓ CRESÇA

Segundo veiculado pelo jornal britânico, The Sun, na última terça-feira, 30 de julho, a artista norte-americana, Beyoncé, pode estar participando de uma negociação para continuar desempenhando participações em mais filmes da Disney. 

Porém, nos futuros projetos, a diva deve ter mais liberdade de criação.

De acordo com a publicação do exterior, uma fonte de dentro do estúdio afirmou que a união entre a celebridade e a companhia do Mickey foi uma das mais grandiosas realizadas até então. Por isso, é claro, que há o interesse de expandir o negócio dando a personalidade a possibilidade de criar, até mesmo, seus próprios filmes dentro da Disney. Parece que as conversas estão em andamento.

É importante ressaltar que esse não é um setor novo para ela, afinal, a intérprete vem desenvolvendo longas juntamente com a sua companhia de gestão e entretenimento, a Parkwood, fundada há mais de dez anos.

 “Homecoming“, inclusive, foi um dos trabalhos realizados pela sua organização e pela Netflix. O documentário evidencia cenas dos bastidores de sua apresentação no Festival Coachella do ano passado.

O Rei Leão nas telonas

Lembrando que o mais recente acordo de Beyoncé e da Disney está, de fato, sendo muito bem sucedido. Na versão fotorrealista, ela dubla a personagem Nala.

Atualmente, a releitura da animação de 1994 é o quinto maior lançamento do ano. E em menos de três semanas em cartaz, já ultrapassou a marca de 1 bilhão de dólares nas bilheterias mundiais



No mundo da música

 E em termos musicais, foi a musa do pop que produziu e realizou a curadoria do álbum “The Lion King: The Gift“, o qual  estreou no ranking da Billboard 200, como o segundo disco mais vendido dos Estados Unidos.

O material é inspirado na trama que marcou gerações e é claro traz muitos elementos da cultura africana. Além de cantar em algumas faixas, como ”Spirit” e ”Bigger”, há diversos outros nomes da música que participaram do projeto, como Phareell Williams.

Ainda sobre o álbum, 54 mil unidades já foram comercializadas no mundo.

Veja, a seguir, o vídeo de ”Spirit” + Bigger”:

https://www.youtube.com/watch?v=hiqLtqMDrXQ

 

“TELL ME IT’S OVER”, DE AVRIL LAVIGNE, É O LANÇAMENTO DA SEMANA

A FAIXA FAZ PARTE DE HEAD ABOVE WATER, NOVO DISCO DA CANTORA

No fim desta semana, Avril Lavigne lançará Head Above Water, seu mais novo disco de estúdio após um hiato de 6 anos sem novidades.

Composto por doze músicas inéditas, o material conta com “Tell Me It’s Over”, faixa que foi anunciada juntamente de um clipe lindo estrelado pela diva. O vídeo ainda conta com várias cenas da cantora curtindo um clima de romance.

Na letra, Avril fala sobre a superação de um relacionamento, especificamente, sobre não conseguir tirar a pessoa amada da cabeça.  não consegue tirar a pessoa amada da cabeça.

O interessante é que este novo álbum de Avril fez com que  The Guardian a comparasse com Lana Del Rey. Segundo o site, o material lembra a sonoridade da cantora ruiva e o tema, predominantemente, de força interior.

A artista já revelou que seu novo projeto apresentará uma sonoridade diferente de tudo que ela já fez. “Tell Me It’s Over” é a segunda faixa do novo álbum de estúdio de Avril, Head Above Water, o sexto de sua carreira.

 

Em entrevista, Anitta afirma que pensa em sair do Brasil


Anitta no Rock in Rio Lisboa. Foto: Raphael Nercessian

A cantora Anitta continua trabalhando para alavancar ainda mais sua carreira internacional.

Depois de ter indicado uma suposta parceria com Madonna e ter feito um show no Madison Square Garden, nos EUA, a cantora concedeu uma entrevista de capa à revista De Punta e falou sobre seus planos para o futuro.

De acordo com uma matéria publicada na última sexta-feira (5) pelo site do jornal Extra, afirmou que morar fora do Brasil é uma possibilidade:

“Já não estou tanto tempo no Brasil como antes. Sou muito agradecida ao meu país, mas sinto que este momento é de decolagem, de estar um tempo fora, sabendo que minhas raízes são de lá e que sempre voltarei. A chave do meu sucesso é que nunca deixo de estar em meu país e posso reunir o mundo em minha agenda. Assim como tenho esse gene brasileiro de ter que ir à praia, andar descalça e viver o carnaval do Rio, gosto muito das cidades europeias, dos Estados Unidos e do frio dos outros países”, disse.

 

 

CÉLINE DION SE EMOCIONA AO FALAR SOBRE ARETHA FRANKLIN

A CANTORA PARTICIPARÁ DO TRIBUTO À ARTISTA DURANTE O GRAMMY

Aretha Franklin será homenageada durante o Grammy, no dia 10 de fevereiro, em Los Angeles. Céline Dion é uma das cantoras que subirá ao palco para o tributo e, ao falar sobre a artista, acabou se emocionando.

Ao Entertainment Tonight, Dion afirmou : “Eu tive o privilégio de cantar em Divas com ela, eu tinha uma frase que não ia estragar. Eu tive um momento com ela que nunca esquecerei, e vou amar isso para o resto da minha vida”.

A potência vocal de 50 anos também falou sobre o que Aretha a ensinou como artista. “Você canta com seu coração, mas ela nos ensinou que, quando acreditamos tanto, que vem de um lugar mais profundo que o coração, vem da alma”, ela acrescentou. “Então nós não inventamos essas palavras, ela deu essas palavras. Ela colocou essas palavras em nosso repertório, em nossas vidas e sonhos … nossas performances”.

Para finalizar, a artista afirmou que Franklin  “nos deu uma parte de sua alma e nos ensinou o que é a música soul”.

“Aretha! A GRAMMY Celebration For The Queen of Soul” será gravado no dia 13 de janeiro e vai relembrar a trajetória da chamada Rainha do Soul, que faleceu no último mês de agosto, depois de lutar contra um câncer de pâncreas.

Além de Dion, subirão ao palco Yolanda Adams, Shirley Caesar, Alessia Cara, Kelly Clarkson, Common, Jennifer Hudson, Alicia Keys, John Legend, Patti LaBelle e BeBe Winans. Nomeados da próxima edição do Grammy como Brandi Carlile, Chloe X Halle, H.E.R., Janelle Monáe e SZA, também marcarão presença.